Vale muito a pena!

terça-feira, 5 de maio de 2009

Vale a pena trabalhar todos os sábados abrindo mão da minha vida social... Vale a pena deixar de viajar (uma das coisas que mais amo) para estar presente nos casamentos de noivas tão especiais... Vale a pena perder aquele festão da família que todos estão presentes...Vale a pena perder o aniversário do afilhado quando no dia tem mais uma noiva querida casando... VALE A PENA, VALE MUITOOOOOOOO A PENA!!!!

Cada dia que passa, mais encantada eu fico com o meu trabalho, com tudo! Com noivas que conheço e ajudo a realizar sonhos... Com as famílias que me recebem como filha... Com o carinho que recebo de todos! A única tristeza é a saudade que fica. Sim, porque noiva querida deixa saudade de verdade! E não só a noiva, a família inteira!

Hoje estou feliz! Duplamente feliz! Primeiro com o e-mail que recebi da Silvana, mãe da Erika (noiva do post abaixo) e segundo com um lindo post, no blog da Débora, outra noiva muito querida. Vou colocar aqui, pois quero compartilhar minhas alegrias com vocês. Afinal, vocês me apoiam tanto!

"PARABÉNS pelo lindo trabalho de vocês !!!
Amamos tudo !!! Voces são MARAVILHOSAS !!!!!
Que festa linda ... Não existem palavras que possam expessar nosso muito "OBRIGADO"..
Manú - todos elogiaram seu trabalho, seus olhos de lince observando tudo e resolvendo tudo rápido e de forma tão delicada...
Erika está muito feliz
Grata para sempre
beijos
Mãe Silvana
ps: já estou com saudades de vocês"


E agora o post lindoooooo da Débora:

"Toda Noiva Tem Seu Anjo da Guarda



Se não tem , deveria. São tantos detalhes, contratos, provas ...e decisões. Não há como dar conta de tudo sozinha, ainda mais hoje em dia em que há uma verdadeira indústria do casamento. Parecia tudo tão mais simples antigamente; uma tia fazia o bolo, outra o vestido, a avó de uma amiga querida emprestava as jóias, o sogro levava a noiva até a igreja. Quando revejo o albúm de casamento da minha mãe vejo ali a simplicidade, a emoção estampada no rosto dos noivos, a alegria dos familiares e a importância do momento. Tenho certeza que ela não precisou começar os preparativos com mais de um ano de antecedência e nem gastar rios de dinheiro; nem por isto foi menos importante ou celebrado. Talvez fosse mais fácil tocar o real sentido do casamento, menos escondido por tantas provas de doces, escolhas de flores e fitas, contratação de profissionais. Ali estava o ritual; puro, simples e forte, como todo ritual.
Se toda noiva não tem um anjo de guarda, eu encontrei o meu, ou melhor a minha. A minha cerimonialista Emanuelle Missura, pra mim Manú, é um anjo em forma de gente. Além de organizar o cortejo na igreja, receber os convidados e preparar a noiva para o momento mais importante: a entrada na nave celestial ( ironias à parte); ela também acompanha todo o processo de preparação e planejamento para o "evento". Ajuda a definir o número de madrinhas e padrinhos, de convidados, indica profissionais para os diversos serviços (foto, filmagem, decoração, som, etc), faz planilhas, acompanha a noiva em provas de doces, do vestido, de maquiagem......ou seja tem uma paciência de Jó. Além é claro de eventualmente dar apoio emocional à noiva na novísssima moda neurótica: TPC (Tensão Pré Casamento).
A cerimonialista ou o cerimonialista, não é uma profissão exclusiva de mulheres. Há cerimonialistas homens tradicionalíssimos e que estão há anos no mercado. Quando decidimos ter uma cerimonialista procuramos dentre vários profissionais através de anúncios em resvistas de noivas e sites especializados. Visitamos alguns profissionais pessoalmente , outros entramos em contato por telefone ou via e-mail. Cheguei a conclusão que queria alguem jovem como eu, mulher e que já tivesse passado pela experiência do casamento.
O primeiro contato telefônico com a Manú foi feito pelo Roberto, que teve uma boa impressão. A seguir marquei uma visita dela à nossa casa. Foi algo tão bom e natural que a Manú foi sair lá de casa quase 9h da noite. Coversamos sobre casamento,é lógico, mas também contamos casos, histórias, falei das minhas expectativas em relação a tudo que era tão novo . Após este primeiro contato continuei em minha busca, e o Roberto junto. Até que certo tempo depois, parei e pensei em todas que havimos visitado; imaginei então: eu na porta da igreja, pouco antes do climax do momento. Pensei em quem eu gostaria que estivesse ali ao meu lado. Não me veio outra pessoa que não a Manú, havia afinidade, empatia e a indiscutivel competência. Bem , e não me arrependo, está valendo muito a pena."

Blog da Débora - http://deboraemogami.blogspot.com

Só tenho que agradecer a Deus por tudo que tem acontecido na minha vida desde que a Casar á Fácil se tornou realidade... Obrigada, noivas, mães de noivas, noivinhas que acompanham meu trabalho e todo mundo que torce. MUITO OBRIGADA!

Beijos,
Manú