Geradores X Casamentos

quinta-feira, 27 de maio de 2010


No dia do apagão todos ficaram preocupados e sem saber o que estava acontecendo. Eu estava em casa, fui para a janela e vi que não tinha luz na rua inteira. Adivinhem o que eu fiquei pensando? Fiquei pensando: se o apagão tivesse acontecido em um sábado (dia oficial dos casamentos). Já pensaram no caos que teria sido?

Bom, no dia seguinte recebi 3 telefonemas e 5 e-mails de noivas desesperadas perguntando qual era a solução para escapar de um novo apagão no dia do casamento. A minha resposta: contratar um gerador!

O gerador se transformou em item fundamental nas cerimônias e festas de casamento. Em alguns locais eles são obrigatórios, em outros não é exigido. E existem casas de festas com geradores próprios (o que é ótimo)

Seguem algumas dicas:

  • Alugar com antecedência para não correr o risco de ficar sem no dia do casório;
  • Quanto maior for a necessidade de energia, maior será o kva do gerador;
  • Vai ter banda na sua festa? Então tem que ter um gerador só para o som da banda e outro para a iluminação da festa;
  • Um gerador normalmente acompanha 25 metros de cabo. Alguns lugares necessitam de mais cabo do que isso ;-) ;
  • O gerador pode ser 220v ou 110v;
  • Para a igreja usa-se normalmente um gerador de 40 a 60 kvas;
  • Para uma festa usa-se um gerador de 100 até 250 kvas;
  • É sempre bom ter dois geradores: um funcionando e outro em stand by. O gerador de stand by e para um caso de segurança extrema utilizado apenas em eventos de grande porte.
Agradeço ao pessoal da M2 que me ajudou bastante com informações sobre geradores ;)

Então é isso: com gerador pode faltar luz, cair um temporal, o mundo parar que a sua festa estará segura :)

Boa sorte!

Um beijo,
Manú